bibpingodoce
O Diretor-Geral do Pingo Doce, Luís Araújo, anunciou no passado dia 22 de Fevereiro, no Museu do Brincar, em Vagos (Aveiro), a criação do maior prémio de literatura infantil em Portugal, no valor de 50.000€. Esta iniciativa, que será anual, consiste num concurso de âmbito nacional que procura estimular a emergência de novos talentos nas áreas da literatura e do design gráfico e ilustração, premiando obras originais, de autores sem livros publicados, que estimulem o gosto pela leitura das crianças portuguesas.


De uma forma inédita e sem precedentes, vão ser reunidos, numa só obra, o melhor texto e o melhor trabalho de ilustração apresentados a concurso, sendo o prémio total de 50.000 euros repartido igualmente pelos dois vencedores.
Este desafio, que o Pingo Doce lança aos portugueses com mais de 16 anos e a residir em Portugal que sintam que têm um talento e que precisam de uma oportunidade, é o corolário de um trabalho desenvolvido pela Companhia na área dos livros, em especial na categoria infanto-juvenil, no âmbito do qual foram lançados, nos últimos 7 anos, mais de 200 títulos com a marca Pingo Doce.
Os Júris do Prémio são compostos, na categoria de Texto, por Eduardo Sá, Isabel Stilwell e Isabel Zambujal, e, na categoria de Ilustração, por André Letria, Inês Moura Paes e Pedro Sousa Pereira. Ambos os Júris serão presididos pela Alêtheia Editores, na pessoa de Zita Seabra, e o Grupo Jerónimo Martins será representado por Sara Miranda.
A obra original, que compilará o texto e o trabalho de ilustração vencedores, será lançada em Novembro e estará disponível em cerca de 300 lojas Pingo Doce.
Todas as informações relativas ao Prémio encontram-se em www.pingodoce.pt, ou na página oficial do prémio http://premiodeliteraturainfantil.pingodoce.pt

{backbutton}