LOGO RBBB

Eventos

RBB nas Redes Sociais

facebook-logo twitter-logo delicious-logo youtube-logo

agenda-foto-destaque-pascoaes

POETA

Quando a primeira lágrima aflorou

Nos meus olhos, divina claridade

A minha pátria aldeia alumiou

Duma luz triste, que era já saudade.

Humildes, pobres cousas, como eu sou

Dor acesa na vossa escuridade...

Sou, em futuro, o tempo que passou-

Em num, o antigo tempo é nova idade.

Sou fraga da montanha, névoa astral,

Quimérica figura matinal,

Imagem de alma em terra modelada.

Sou o homem de si mesmo fugitivo;

Fantasma a delirar, mistério vivo,

A loucura de Deus, o sonho e o nada.


Teixeira de Pascoaes
Sempre (1898)
In Poesia de Teixeira de Pascoaes
Org. de Silvina Rodrigues Lopes
Lisboa, Editorial Comunicação, 1987

Republica República nas Escolas - Descrição e objectivos

Ao longo das comemorações do Centenário, a República deve ser um tema forte nas escolas, promovendo-se a sua criatividade e o seu dinamismo, quer no âmbito das disciplinas, quer em actividades extracurriculares de carácter cultural e recreativo.O eixo programático República nas Escolas visa promover a realização de iniciativas e de actividades comemorativas do Centenário da República, apelando à divulgação de informação histórica, à reflexão e ao debate dos ideais republicanos nas escolas dos diferentes níveis educativos, envolvendo alunos, professores, pais e encarregados de educação.As actividades desenvolvidas reflectir-se-ão para lá do espaço da escola, envolvendo as bibliotecas públicas, na medida em que estão ligadas às bibliotecas escolares, e organizações culturais e cívicas que se proponham articular as suas iniciativas com o programa do Centenário através do eixo programático República nas Escolas.

Continuar...

Bolonha, Itália

A DGLB estará presente na 47ª edição bolonha(23-26 de Março), dando continuidade ao trabalho de divulgação dos autores e ilustradores portugueses para a infância que tem vindo a desenvolver nos últimos anos. A DGLB apresenta (no stand: Hall 29 C19) uma selecção de livros ilustrados publicados em 2009/2010, bem como um novo número de Portuguese Children's Books, uma brochura em língua inglesa com informação sobre livros portugueses para a infância e juventude. Será também mais uma oportunidade para divulgar o Programa de Apoio à Edição de Ilustração e Banda Desenhada portuguesa junto dos editores estrangeiros. Desde 2005, a DGLB apoiou a edição de mais de 60 livros de ilustradores portugueses editados países como Espanha, França, Reino Unido, Bangladesh, Suíça e Itália.

Brochura e o stand da DGLB dão este ano destaque a Madalena Matoso, vencedora do Prémio Nacional de Ilustração em 2009, que lhe foi atribuído pelo conjunto das ilustrações que integram A Charada da Bicharada, da autoria de Alice Vieira numa edição da Texto Editora.

universidade_FP

A Universidade Fernando Pessoa, através do seu centro de formação contínua, ES-CEFOC, promove o Curso de Catalogação (monografias; periódicos e material não-livro) particularmente vocacionado para docentes que se encontram no exercício de funções nas bibliotecas escolares e centros de recursos educativos.

A acção de formação, acreditada pelo Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua - CCPFC/ACC-58332/09, confere 2 créditos num total de 50 horas e decorrerá em horário pós-laboral, entre 19 de Abril e 17 de Junho.

Pré-inscrição: http://www.ufp.pt/index.php?option=com_rsform&Itemid=432

Para informações adicionais contactar:

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Telefone: 225 071 327

alexandre Poeta, romancista e historiador, Alexandre Herculano nasceu há 200 anos, a 28 de Março de 1810.

A maior influência de Herculano na cultura portuguesa é como historiador, e para o seu esforço de conferir à investigação histórica características de rigor científico muito terá contribuído a circunstância de desde novo ter frequentado bibliotecas públicas e de ele próprio ter exercido o cargo de Bibliotecário-mor das Bibliotecas da Ajuda e das Necessidades, vivendo e trabalhando perto das fontes que lhe fundamentaram o estudo.

Continuar...