LOGO RBBB

Eventos

RBB nas Redes Sociais

facebook-logo twitter-logo delicious-logo youtube-logo

alumos

Regressar aos 50 minutos de aula, extinguir as áreas não disciplinares, reduzir o número de disciplinas e o horário obrigatório dos alunos, criar exames obrigatórios no final de cada ciclo. Estas são algumas das propostas dos professores, expressas na Internet, onde os profissionais se queixam de não ser ouvidos pelo Ministério da Educação, pelos grupos de trabalho escolhidos pela tutela e pela comunicação social. O PÚBLICO foi lê-los e ouvi-los.

Continuar...

mcs

O Ministério da Educação decidiu retirar as alterações que apresentou esta semana ao Estatuto da Carreira Docente, muito contestadas pelos sindicatos de professores, com o intuito de terminar rapidamente o processo de revisão daquele diploma.

"O Ministério da Educação não quer que se atrase a aprovação desta legislação de que as escolas, os professores e os pais necessitam. Por isso, o Governo retirou da agenda todas as matérias que vão para lá do acordo [de Princípios assinado em Janeiro] e considero que estão assim reunidas as condições para encerrarmos rapidamente este processo", anunciou o secretário de Estado adjunto e da Educação, Alexandre Ventura, em conferência de imprensa.

ASSEBLEO Governo aprovou hoje uma proposta de lei para agilizar a aplicação de medidas disciplinares sancionatórias e a suspensão preventiva a alunos que pratiquem agressões em estabelecimentos dos ensinos Básico e Secundário.

Os contornos gerais destas medidas foram já apresentadas na semana passada pela ministra da Educação, Isabel Alçada, e o diploma segue agora para agendamento, discussão e votação na Assembleia da República.

Continuar...

Ministra vai aisabel_allterar regime de faltas dos alunos

A ministra da Educação, Isabel Alçada, anunciou hoje que vai alterar o regime de faltas dos alunos e que voltará a haver distinção entre ausências justificadas e injustificadas. A ministra falava na Assembleia da República, na abertura do debate sobre violência escolar. Isabel Alçada anunciou que, no âmbito da revisão em curso do Estatuto do Aluno, serão introduzidas alterações ao regime de faltas, "com diferenciação entre faltas justificadas e injustificadas".
A ministra disse ainda que a revisão de alguns pontos deste estatuto visa o "reforço da intervenção preventiva das escolas" em casos de violência ou indisciplina.

Continuar...

295678 Tipificação de agressões a professores como crime público "é uma possibilidade"

A ministra da Educação Isabel Alçada afirmou hoje que a proposta da Fenprof de tipificar como crime público a violência exercida sobre professores "é uma possibilidade". "Isso é uma questão que tem vindo a ser colocada na nossa sociedade e nós estamos a estudar essa questão. É uma possibilidade", disse hoje Isabel Alçada aos jornalistas à margem da plantação de uma Árvore do Centenário na escola secundária de Camões, em Lisboa.

Continuar...