LOGO RBBB

Eventos

RBB nas Redes Sociais

facebook-logo twitter-logo delicious-logo youtube-logo

ler

O Projecto «Ler +, agir contra a Gripe» visa melhorar a informação das crianças e dos jovens que frequentam as escolas e, através deles, das suas famílias e das suas comunidades sobre as formas de prevenir a Gripe A, no quadro estratégico de acção global contra a pandemia. O Projecto é o resultado do desenvolvimento de uma proposta concebida pela Administração Regional de Saúde do Norte, inspirada no mote «Agir contra a Gripe» da Escola Nacional de Saúde Pública e potenciada pelos contributos da Direcção Regional de Educação do Norte. A sinergia entre a Direcção‐Geral da Saúde e o Plano Nacional de Leitura (PNL), a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE), a Direcção‐Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular (DGIDC) e a Direcção‐Geral do Livro e das Bibliotecas (DGLB) permitirá o desenvolvimento do Projecto a nível nacional. Conceptualmente, com este Projecto, pretendemos desenvolver um conjunto de iniciativas relacionadas com a leitura e a escrita, que contribuam para melhorar os níveis de literacia em saúde e a prevenção das doenças transmissíveis, em especial da Gripe. Para mais informações consulte:

http://www.planonacionaldeleitura.gov.pt/index.php?s=destaques&id=770

dia_europeu_linguas_pt

O Ministério da Educação e a Representação em Portugal da Comissão Europeia realizam, no dia 25 de Setembro, no Centro Europeu Jean Monnet, em Lisboa, uma sessão comemorativa que pretende assinalar o Dia Europeu das Línguas e mobilizar a comunidade educativa para a importância da aprendizagem de línguas. Instituído pelo Conselho da Europa em 2001, o Ano Europeu das Línguas ocorre no dia 26 de Setembro e pretende celebrar a diversidade linguística e cultural da Europa. Para mais informações e sugestões de actividades a desenvolver nas escolas, consultar o sítio da DGIDC:
http://sitio.dgidc.min-edu.pt/PressReleases/Paginas/DiaEuropeudasLinguas2009.aspx


Gripe_A_-_logotipo











A propósito do manuseamento de equipamentos e materiais da biblioteca escolar e da Gripe A-2009, divulgamos o esclarecimento que nos foi transmitido pela Direcção Geral da Saúde:
«O vírus influenza tem a capacidade de sobreviver, no ambiente, por períodos variáveis de tempo, consoante o tipo de material que contaminam, nomeadamente:

• Papel e cartão: até 12h;
• Plástico e metal: até 48h;
• Roupa e tecidos orgânicos: 8-12h.

Na prática, o risco de contrair doença por esta via é muito pequeno. [Mas é] de recomendar que os livros e DVD's sejam limpos no momento da devolução, antes de serem arrumados.»


logotipo

O Caminho das Letras é um sítio electrónico criado para estimular a aprendizagem da leitura nos primeiros anos do ensino básico, que foi lançado pelo Ministério da Educação em parceria com o Plano Nacional para o Ensino do Português, o Centro de Investigação para Tecnologias Interactivas e o Plano Nacional de Leitura. Oferece às crianças a possibilidade de percorrerem um surpreendente universo de imagens, textos e sons muito apelativos, que lhes irá despertar a curiosidade pelas letras, pelas palavras e pelos textos. Oferece aos educadores e às famílias um instrumento educativo, que lhes permite descobrir, em agradável convívio com as crianças, os primeiros passos no caminho da leitura. O Caminho das Letras foi concebido por uma equipa de especialistas coordenada por Inês Sim-Sim e Carlos Correia, tem música original de José Mário Branco e foi executado graças à colaboração de artistas plásticos, actores e técnicos em investigação e desenvolvimento. "Lavo as minhas mãos" de Inês Papo e Gonçalo Pratas, cuja temática vem a propósito da Gripe A, é um dos livros que se pode consultar no site.

Para mais informações, consultar: http://e-livros.clube-de-leituras.pt/cdl/index.htm

Na passagem do primeiro aniversário da sua morte, a Casa Municipal da Cultura de Cabeceiras de Basto apresenta ao público, desde 16 de Setembro até ao próximo dia 16 de Outubro, a exposição biográfica subordinada ao tema: "Joaquim dos Santos In Memoriam". Trata-se de uma exposição organizada pelos alunos da Licenciatura em Música da Universidade do Minho, que proporciona uma visão geral sobre a vida e obra do ilustre padre e compositor cabeceirense, cuja grandeza artística, ganhou notoriedade aquém e além fronteiras.
Nesta mostra estão retratados o seu ambiente familiar, a formação religiosa e musical, a relação com o seu mestre Manuel Faria, o lado do compositor e pedagogo, a sua discografia, as obras editadas nas revistas de música sacra, a relação com a Banda Cabeceirense e com o Coro da Igreja de S. Miguel de Refojos. Simultaneamente a exposição aborda outras facetas do conhecido compositor, genial na criação artística do campo musical e instrumental, cujo percurso de vida é mostrado aos cabeceirenses. "O Padre Dr. Joaquim dos Santos era um homem simples no seu viver, um cidadão honesto e cumpridor, um padre humilde e desprendido, para além de ter sido um professor dedicado e carinhoso, de grande descrição", sustentam os promotores desta exposição.
A autarquia cabeceirense já o tinha distinguido como: "Um músico e compositor brilhante e genial, um cabeceirense exemplar e raro que trouxe, traz e continuará a trazer grande prestígio e honra a Cabeceiras de Basto."
Para mais informações consulte: http://maestrojoaquimdossantos.blogspot.com